Biblioteca

Mário Souto Maior

msm perfilMário Souto Maior, pernambucano de Bom Jardim, meu pai, nasceu em 1920. Nasceu matuto e matuto se criou, acumulando experiências que hoje passa para o papel, através de seus livros e crônicas.

Tornou-se bacharel em Direito e pai-de-família quase ao mesmo tempo, começando sua vida profissional dividido entre a família e a profissão.Foi promotor sem ser carrasco, foi advogado sem ser mercenário e, trabalhando nesse meio, conseguiu seguir sempre sua consciência e se considera por isso um vitorioso em sua carreira.

Como se não bastasse ser advogadodos pobres, da sua gente humilde, resolveu escrever, se deixar guiar por um sonho, vivendo em um país que não valoriza sua cultura, a sabedoria de seu povo, suas tradições, que não se esforça para educar suas crianças, incentivando a leitura entre seus principais herdeiros e futuros governantes.

Assim, meu pai escreveu e publicou, até agora, 70 livros, entre outras obras.

Todas baseadas no povo e em seus costumes e tradições. Cada uma delas está marcada pelo seu toque pessoal, a seriedade e a necessidade intrínseca de realizar, de ver tomando forma, aglutinando informações quase sempre dispersas, quase que perdidas.

É o trabalho de uma vida. De quem sempre viveu e vive para trabalhar.É a vida de um operário incansável que acha, em suas atividades profissionais, fonte inesgotável de prazer, do sentimento do dever cumprido, condição indispensável para se ter um bom resultado alcançado.


Publicação pelo mesmo autor

Capa da A Língua na Boca do Povo

A Língua na Boca do Povo

  / 0
Visitas: 219
"Este novo livro de Mário Souto Maior, traz uma novidade nos estudos linguísticos. Tra
Capa da A Menina-avó e seus Almanaques

A Menina-avó e seus Almanaques

  / 0
Visitas: 199
E a menina curiosa se fez moça, mulher, esposa, mãe, sogra, avó, o que nã
Capa da A Mulher e o Homem na Sabedoria Popular

A Mulher e o Homem na Sabedoria Popular

  / 0
Ano: 1994
Visitas: 217
Contribui, com um bom material para a história da mentalidade latino-americana que, agora, es
Capa da Algumas Pernas Curtas da Mentira

Algumas Pernas Curtas da Mentira

  / 0
Ano: 2001
Visitas: 219
Capa da Antônio Silvino - Capitão de Trabuco

Antônio Silvino - Capitão de Trabuco

  / 0
Ano: 1971
Visitas: 169
"Saber o que esse ensaio representa em tenacidade, energia, vontade invencível, clareza de co

Portal da Fundaj Pesquisa Escolar Atividades Pedagógicas Inventários DOC Bibliotecas
© 2017 Fundação Joaquim Nabuco. Todos os direitos reservados. Utilizando software livre